Flores de Ferro



Flores de ferro

Mundo vermelho
Rosas murchas secam ao vento
Esmagadas por seus monstros de ferro
No céu pássaros livres, voando aos ventos
Agora pássaros de ferro
Despejam bombas sobre nós

Quero viver
A liberdade não existe mais
Pois agora suas asas, perdem suas penas

Antes
Crianças livres a cantar
Agora são apenas
Anjos tristes a rezar
Seus tremores despedaçam
Os pilares do paraíso
E governantes que se acham Deuses
Decidem que flores devem murchar

E mesmo assim
Flores de ferro
Sobrevivemos ate então
Até então...
Até então...


                                        
 


5 comentários:

ValCruz disse...

Grande abraço e obrigada pela visita e comentário!

Gostei do seu texto!

Janaina Cruz disse...

No mundo de hoje em dia apenas as flores de fogo serão resistentes e viverão para sempre...

Tomara que a vida reencontre novas respostas. :)

Abraços mil e ótima semana

Juliana costa da silva disse...

Gostei... :)

Juliana costa da silva disse...

Gostei :)

Juliana costa da silva disse...

Gostei... :)